All You Need
In One Single
Theme.
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit, sed diam nonummy nibh euismod tincidunt ut laoreet dolore magna aliquam erat
Search here:
 

Reabilitação de fachada

A reabilitação de fachada é, inevitavelmente, uma necessidade. Inclusivé para os edifícios que nunca estiveram desabitados: a fachada é a zona mais exposta aos raios solares, às intempéries, à poluição das ruas.
Além da recuperação de fachada em edifícios que estão a passar por um processo integral de reabilitação, este tipo de trabalhos também é muito requisitado por condomínios de propriedades verticais.

Pintura e Restauração de Azulejos

A reabilitação de fachada passa, muitas vezes, pela pintura de exteriores ou pelo restauro de azulejos. Este tipo de obra requer o uso de andaimes e as condições atmosféricas apropriadas. Uma das vantagens destes trabalhos com andaimes é a facilidade em instalar publicidade na fachada. O lucro da publicidade pode, aliás, ser aproveitado pelos condóminos para abater os gastos com a reabilitação.
Outra questão a ter em conta é a limpeza das fachadas. Deve-se aproveitar a intervenção nas fachadas para lavar os estores, pedras exteriores (cantarias, parapeitos, ombrais) e silicone nas janelas.
Se a fachada tiver fissuras, é necessário repará-las antes da pintura. Cada fissura tem que ser aberta para retirar todas as partes soltas e, em seguida, preenchida com argamassa o mais parecida possível ao reboco existente.
Depois de reparadas as fissuras, passamos para a pintura em si. Aplicamos o primário para melhorar a impermeabilização e poupar tinta. De seguida, pintamos com a tinta definitiva, que deve ser de qualidade e resistente. Há dois tipos principais de tinta: acrílicas e de membrana. Nas pinturas posteriores, terá que usar novamente o mesmo tipo de tinta.
A vantagem das tintas membrana é serem impermeáveis à água e permeáveis ao vapor de água. Assim, não se criam “bossas”.
Nos prédios com azulejos, a questão da tinta não se coloca. É necessário fazer uma limpeza e, em alguns casos, substituir alguns. Se estiverem demasiado danificados e já não existirem azulejos iguais, pode ser necessário mudar toda a fachada.
Reabilitação de fachada de edifícios

Reabilitação de fachada de edifício.

Reabilitação de fachada

Recuperação de fachada.

Reabilitações de fachadas

Reabilitação de fachada.

Isolamento Térmico

Numa intervenção extensa na fachada, é possível melhorar o isolamento térmico do edifício. Aliás esta é, sem dúvida, a alteração que maior conforto pode trazer aos moradores.
No caso de pretenderem alterar o acabamento exterior da fachada, existe a hipótese de executar uma fachada ventilada em granito grampeado ou em painéis de alumínio e fenólicos, por exemplo. No entanto, é quase sempre possível aplicar isolamentos térmicos de termolar e poliuretano nas caixas de ar da alvenaria.
Estes materiais evitam perdas de calor através da fachada e reduzem a diferença de temperatura entre as paredes interiores e as que têm contacto com o exterior.

Impermeabilização de Varandas e Terraços

Ao fazer reabilitação de fachada, a impermeabilização de varandas e terraços não deve ser esquecida. O processo de impermeabilização precisa de técnicos especializados. O pavimento tem que ser levantado para aplicar uma camada impermeabilizante. Dependendo do que é mais adequado para cada edifício, a impermeabilização pode ser feita em tela asfáltica, membrana betuminosa, manta betuminosa, membrana acrílica, argamassa impermeável e subtelha de fibrocimento.
Por sua vez, esta camada deve ser aplicada com todo o cuidado para que não fissure – caso contrário, o terraço ou varanda não ficarão impermeabilizados. Para ter a certeza de que o procedimento foi feito de forma correta, os técnicos da CASA AMARELA OBRAS fazem sempre um teste com um caudal de água elevado. Depois de passado o teste, aplicamos o novo pavimento.
Reabilitação de fachadas

Reabilitação de fachada.

Reabilitação de fachada de edifício

Reabilitação de fachada.

Recuperação de fachada

Recuperação de fachada.

Caleiras

A recuperação de fachadas inclui também a reparação – e muitos vezes substituição – das caleiras e tubos de queda. Ainda que estes trabalhos possam parecer secundários aos condóminos, é importante incluí-los na restauração da fachada para evitar problemas mais tarde.

Outros Trabalhos

Em alguns edifícios, a reabilitação de fachada pode estender-se a outros pontos:
– aplicação de estendais;
– mudança de caixilharias;
– substituição de vidros e reparação de claraboias;
– manutenção de tubos de exaustão.

Incentivos à Reabilitação de Fachadas

Hoje em dia há diversos incentivos governamentais para a reabilitação de fachadas. A Câmara de Mafra, por exemplo, lançou o programa “Mafra Requalifica” que atribui benefícios fiscais para os proprietários que reabilitem e conservem casas antigas. Uma das medidas destina-se precisamente à requalificação de fachadas e é atribuída uma quantia por cada metro quadrado recuperado. Se está a pensar reabilitar um edifício antigo ou em restaurar uma fachada, informe-se junto da sua câmara municipal sobre esta possibilidade.
[contact-form-7 id="6122" title="Pedido de orçamento principal"]