All You Need
In One Single
Theme.
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit, sed diam nonummy nibh euismod tincidunt ut laoreet dolore magna aliquam erat
Search here:
 

Deck

Hoje em dia, já é tendência escolher decks em madeira para o exterior. Seja nas áreas tipo “lounge” ou à volta da piscina, dão um aspeto sofisticado e até aconchegante. No entanto, antes de decidir usar madeira no exterior, deve ponderar os custos associados a um deck de madeira ou a um deck compósito.

Quais as desvantagens em usar um deck no exterior?

Por definição, os decks de madeira são em madeira natural. Apesar de algumas madeiras serem resistentes mesmo no exterior, todas as madeiras são vulneráveis à exposição solar e a condições climáticas desfavoráveis. Os problemas mais comuns são os seguintes:
• degradação e desgaste elevados em pouco tempo;
• apodrecimento de parte do deck;
• deformação do deck, farpas soltas que podem magoar quem caminha no deck ou rachaduras;
• acumulação de fungos nas zonas húmidas ou acumulação de insetos nas zonas com terra.
Devido a estas desvantagens, muitos proprietários acabam por optar por outro tipo de pavimentos para o exterior das suas casas. No entanto, no caso de estar seguro da sua escolha, deve escolher entre um deck de madeira ou um deck compósito. Com esta última opção, acaba por contornar algumas destas desvantagens.
Aplicação de deck remodelação

Deck de madeira.

Aplicação de deck compósito remodelação

Deck compósito.

Aplicação de deck de madeira remodelação

Deck de madeira.

Qual é a diferença entre um deck de madeira e um deck compósito?

Os decks de madeira são 100% em madeira. O efeito visual é nobre e muito bonito, mas exige um grande trabalho de manutenção. Apesar de as madeiras usadas para este efeito serem tratadas para aumentar a sua resistência, conservar as suas formas e obter um produto mais higiénico, continuam a necessitar de manutenção com regularidade. Por estarem expostas ao sol e à humidade no exterior, devem ser lixadas e envernizadas com frequência.
O deck compósito é uma mistura de madeira reciclada com polímeros termoplásticos. Devido à sua constituição, têm mais durabilidade e resistência:
– resistência ao clima e aos raios UV;
– à humidade (podem ser à prova de água);
– aos insetos e aos bichos do jardim;
– o plástico não deforma e, portanto, não lasca;
– têm mais propriedades antiderrapantes.
Devido a estas duas últimas características, são mais seguros para famílias com crianças. Contudo, há desvantagens: o efeito visual é bastante diferente e são menos agradáveis ao tato. Antes de tomar a decisão final, compare bem o aspeto de ambos.
A nível económico, o deck compósito tem um preço mais elevado. Contudo, como tem custos quase nulos com a manutenção, compensa a longo prazo e apresenta um bom custo/benefício.
[contact-form-7 id="6122" title="Pedido de orçamento principal"]